As Deusas Gregas e a minha Mãe

Deus na minha concepção é um só e está para mim assim como para qualquer partícula de átomo do Universo, é o fogo que nos guia… não tenho o intuito de falar sobre religião, crenças ou costumes, pois estes temas são pessoais e só dão margem a discussões feias. Meu olhar ultimamente está virado para a mitologia Grega, particularmente para as 6 Deusas femininas: Ceres, Pallas, Juno, Vesta, Perséfona, Medusa e suas potencialidades. Farei um resumo delas, tentarei mostrar que apesar destes povos antigos acreditarem em vários Deuses, nós poderemos observar que tudo está ligado entre si e que no final, todos estes Deuses representam a Deidade única, a essência, o Princípio. Os povos antigos só mistificaram pois não tinham uma visão do todo. Os nomes das Deusas modificam de cultura para cultura mas poderemos reconhecer cada uma por suas respectivas potencialidades, colocarei por aqui os nomes que aprendi em Inglês, OK?!
Contarei um pouco da minha descoberta pessoal… By the way, hoje faço 41 aninhos de idade e a minha essência feminina borbulha como as águas termais das piscinas naturais da Islândia.

Conta a lenda que Ísis(Deusa Egípcia) era a Deusa que representava a Feminilidade nos tempos Antigos, ela acumulava todo o conhecimento das idades com relação ao feminino e com o tempo, com a evolução humana, estes mitos foram chegando na cultura Greco-Romana… aconteceu uma subdivisão, onde surgiram várias Deusas e cada uma com suas potencialidades. Me dediquei a saber quais são as potencialidades de cada Deusa e como eu poderia estimular, reconhecer ou descobrir estas potencialidades dentro de min, pois todos nós somos uma centelha Divina, certo?

O interessante é que a partir de 1801(início do seculo XIX)do nosso tempo, os astrônomos acharam um cinturão de 400.000 asteroides entre os planetas Marte-Júpiter e decidiram batizar os asteroides mais significantes com os nomes de algumas das Deusas Gregas: Ceres, Pallas, Juno e Vesta, já que todos os planetas achados até então tinham nomes masculinos… o maior de todos os asteroides, que inclusive é chamado de planeta anão desde 2006 chama-se Ceres(descoberto em 1801). Os especialistas da área dizem que a energia destes asteroides estão influenciando potencialmente nosso planeta e então surgiu a discussão de quedas de paradigmas, revolução feminina, influência dos astros para uma nova potencialidade intuitiva, pois a energia masculina e feminina estão com uma tendência de se equilibrarem no Universo, etc…  The Power is Your!

O corpo humano possui cerca de 65% de água em homens adultos e 60% em mulheres adultas e a ressonância é direta com relação aos astros. O ciclo da lua e suas fases de 28 dias diz muito a respeito que fase o nosso corpo passa com relação a menstruação. Por exemplo, na lua nova entramos numa fase mais introspectiva e na lua cheia estamos mais abertas para novas experiências. Estas fases são relatadas nos homens também, só que nos rapazes são mais sutis… todos os corpos passam por este processo… os animais, as plantas, etc. Que tipo de desejo ou pensamentos Você tem numa fase de lua nova diz muito como seus dias, até meses, serão. Pense nisto… o pensamento tem poder e se magnetiza;-) Vamos as Deusas:

1- Ceres ou Deméter é a Deusa da Maternidade, das plantas, ela é neta de Gaia e está relacionada a natureza. A palavra cereal deriva de Ceres, comemorando a associação da deusa com os grãos comestíveis. O nome Ceres provém de “ker”, de raiz Indo-Europeia e que significa “crescer”, também é a raiz das palavras “criar” e “incrementar”. O asteroide Ceres levou o nome desta Deusa, o mesmo aconteceu com o elemento químico Cério. Suas potencialidades são trabalhar os traumas, parto, desenvolvimento humano ou auto-conhecimento, contato com a terra, trabalhar a criança interior ferida, relacionamento materno…

2- Palas ou Atenas é, na Mitologia Grega, a Deusa da Justiça, da civilização, da sabedoria, da estratégia em batalha, das artes, e das habilidades. 
Foi uma das deusas mais representadas na Arte Grega e sua simbologia exerceu profunda influência sobre o pensamento grego, em especial nos conceitos relativos à justiça, à sabedoria e à função civilizadora da Cultura e das Artes, cujos reflexos são perceptíveis até nos dias de hoje em todo o ocidente. Suas potencialidades são Independência, estratégia, equilíbrio entre a parte direita/esquerda do cérebro, Justiça…

3-Juno ou Hera é a Deusa do matrimônio e rainha dos deuses. Foi casada com Júpiter e tinha muita influência. É representada pelo pavão, sua ave favorita. Íris era sua servente e mensageira. O sexto mês do ano, junho tem esse nome em sua homenagem. Suas potencialidades são obter o Respeito dos outros, valores, feminilidade, paixão, auto-estima…

4- Vesta ou Héstia é a Deusa da Espiritualidade.  Vesta personifica o fogo sagrado, a pira doméstica e a cidade. Era muito comum utilizar a sua imagem nas moradas dos jovens que iam adquirir conhecimento longe de sua terra natal. Cortejada pelos deuses, e especialmente pelo belo Apolo e por Netuno, Vesta rejeitou todas as propostas amorosas e conseguiu que o próprio Júpiter protegesse sua virgindade. Por curiosidade, a mulher Maravilha dos desenhos animados dos nossos tempos usa o símbolo da Vesta. Suas potencialidades são trabalhar seu tempo livre, religião, ordem, estabilidade, sexualidade, tantra, extrospecção…

5-Perséfone é a Deusa do sub-mundo… parece meio sombrio mas estudando-a profundamente percebi que como todos nós, ela tem o seu lado positivo. Ela é filha de Ceres e que no início da sua fase adulta foi introduzida ao sub-mundo por Plutão, fazendo assim uma mudança na sua personalidade quando voltou para sua morada dos Deuses do Olimpo original. Suas potencialidades são trabalhar o luto, intuição, depressão, Healing, meditação, levar o melhor do passado, astrologia, clarividência, 

6- Medusa ou Górgona é a Deusa da transformação, transmutação. Quem quer que olhasse diretamente para ela era transformado em pedra. Ao contrário de suas irmãs górgonas, Esteno e Euríale, Medusa era mortal. Na mitologia Grega, Medusa foi estuprada por Júpiter fazendo com que ela se deformasse e seu lado sombrio se sobressaísse. Potencialidades da Medusa estão na dança, expressão, sexualidade, comunicação, espontaneidade, originalidade, liberdade.

Aprendi com este estudo simples e até meio ultrapassado para mim, se considerarmos que eu acredito em um só Deus, que nós temos todas estas potencialidades… que tudo fica facilzinho, facilzinho, se você se conhece de verdade e sabe onde você estar na cadeia animal e claro, SEM PRÉ-CONCEITOS, People!

Sempre me identifiquei muito com Perséfone e tinha até um certo receio de admitir isto… descobri que o seu lado sombrio e seu lado de luz tem seu lado positivo como toda polaridade… hoje posso dizer que estou transluzindo mais para o seu lado adolescente de filha obediente e feliz, que o seu lado desafiador…. mas já estive bem em baixo no sub-mundo nas piores fases de minha vida. A hora é de  nascer de novo, como a Fênix.

Fiquei muito inspirada para falar da minha mãe hoje no dia do meu aniversário, nada mais justo que falar da minha genitora, Dona Geralda(Generalda ou Dona Gera para os íntimos). Mulher forte, filha mais velha de uma prole de 16 filhos onde só 6 sobreviveram… até hoje eu ainda não sei em que ordem na prole dos 16 filhos ela é. Desde cedo ela sempre deu o seu melhor pois esta guerreira nasceu no início da segunda guerra mundial em 1939, apesar do Brasil ser sempre um país de paz. Minha mãe desde cedo aprendeu a ter responsabilidade e foi assim por toda a vida. Uma de suas frases favoritas é “Aceitar o que a vida oferece” e com resignação ela cresceu onde era quase impossível nascer algo, no meio da Caatinga do Sertão.

(Eu com 2 anos de idade no dia do aniversário da minha mãe de 40 anos.)

Minha mãe se mudou para Recife na idade de 30 anos quando casou com meu pai e teve 9 filhos entre os 30-45 anos. A vida a fez como uma Fortaleza e Dona Gera teve que ter disciplina para que tudo funcionasse. Criou seus 9 filhos da melhor maneira que pôde… até que renderam grandes homens e grandes mulheres desta prole.

Se pudesse caracterizar as potencialidades de D. Gera diria que ela seria Ísis pois consigo ver um pouco de cada Deusa Grega nela…

Aprendi com a minha mãe a dar valor a educação acadêmica, pois além de me considerar eclética nos conhecimentos gerais, nas relações humanas, etc… faço questão de passar isto para meus filhos que estudam na escola alemã de Oslo onde temos como focus a linguagem na nossa rotina. Comunicação é a chave de ouro para a nova era e meus pequenos soldados já falam três línguas fluentemente numa idade de 9-11 anos. Thank you, Grandma! 🤗

2 thoughts on “As Deusas Gregas e a minha Mãe

  1. É difícil começar a ler um dos seus artigos e parar a meio…
    Como a estimada autora, também falo seis línguas, mas o essencial aprendi… a estudar sózinho, na minha terra portuguesa.
    Mas esclareço outro pormenor… tenho quase a idade de Dona Geralda, porque… nasci a meio da 2ª horrível guerra, que não foi horrível por ter sido a 2ª mundial, mas simplesmente… porque todas as guerras o são.
    Dou-lhe parabéns pelo seu site, pela sua experiência de vida, pela sua cultura e… pela sua escrita.
    Vou continuar a ler…
    Muitas felicidades para si e para todos os seus, Boas entradas no ano de 2019!…

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.