Beleza Interna

Osho dizia que a verdadeira beleza se encontra internamente, que quando alguém procura por ela e a encontra, este(a) a terá para sempre… mas o que é beleza interna?!

Beleza interior é o único conceito de Beleza Universal que existe, esta reluz, Ilumina, Transcende… não tem nada haver com a Luz dos olhos mas, sim, com o que reluz através deles.

A verdadeira beleza está alicerçada na segurança, na felicidade e no bem-estar internos, independente da aparência artificial.

A Verdadeira e Autêntica Beleza:

A naturalidade do SER. 

A forma positiva de ver a vida e os seres. 

A atitude de respeito à toda expressão de vida. 

O que é cultivado de benéfico em nosso mundo interno. 

Nossa abertura para o novo ou nossa capacidade de ousar e se doar.

Nosso alinhamento com nossa Alma. 

A atenção ao que colocamos em nosso interior e que pode contaminá-lo, evitando negatividade, maledicências, ressentimentos, fofocas, etc. 

Os cuidados que temos com nossa saúde física, emocional e mental. 

O quanto nos expandimos naquilo que é essencial e que, verdadeiramente, Somos. 

A liberdade de, simplesmente SER, que, por vezes não conseguimos expressar, por estarmos presos à materialidade e ao materialismo.

Como a Verdadeira Beleza se Expressa

No olhar que vê a vida com simplicidade. 

Na boca que fala ao coração.

Nas orelhas, cujos ouvidos, ouvem a voz do Amor e da Sabedoria.

Nas pernas que seguem o fluxo da Vida, com confiança.

Nos cabelos desarrumados pelo gosto de se guiar pelo vento da Vida.

No pescoço que não endurece pelo medo e pela rigidez dos valores impostos pelo materialismo vigente.

Na postura daquele que leva a vida com leveza.

Nas mãos que criam, as invenções da Alma, para expressar o Amor que É!

No corpo físico que, como veículo da emanação de todos os corpos sutis que são sua extensão: vital, astral, mental, causal e espiritual (Alma e Espírito), se expressa de forma harmoniosa

Na pele que sente, com sensibilidade e amorosidade: o Sol, o ar, os toques da Vida, em todas as suas nuances e a energia de cada SER.

No nariz que cheira o aroma do perfume divino, em cada expressão de vida.

Nos ombros, que apesar das dificuldades, sofrimentos da existência, não se encurvam e fecham para seguirem erguidos, sempre em frente.

No peito que se mantém aberto para receber e irradiar o amor que habita dentro dele.

A Metáfora da Vela

O Amor, metaforicamente, é a chama que confere VIDA e beleza á vela.

O corpo da vela pode ser muito belo, mas, sem a chama, a vela perde seu valor, propósito e finalidade.

Assim, somos nós, sem alimentar nossa chama.

Brilhamos e Somos belos ao sermos amorosos com nossa verdadeira natureza, com as dos outros seres e com a da Vida! (Site: Greenme.com.br).

2 thoughts on “Beleza Interna

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.